The Old Operating Theatre

Situado no porão da Igreja de St. Thomas, o Museu da Antiga Sala de Cirurgias (The Old Operating Theatre) expõe os horrores da cirurgia experimental que aconteceu na sala de operações mais antiga do país. 

O Hospital de St. Thomas

As primeiras menções realizadas ao Hospital de St Thomas pertencem ao ano 1215, quando era um monastério onde os Monges Augustinos acolhiam os doentes pobres para lhes oferecer tratamento. Durante a época da Reforma, o monastério foi desfeito, mas voltou a abrir as suas portas em 1551.

A finais do século XVII, o hospital e a Igreja foram reconstruídos e em 1822 o herbolário foi usado para criar a primeira sala de cirurgia do Reino Unido, que seria o cenário de operações de vida e morte e contínuas sangrias até 1862, quando o hospital foi transferido ao bairro de Lambeth. Desde então, o espaço ficou fechado e permaneceu no esquecimento até 1957. 

Pacientes da antiga sala de cirurgias

Os pacientes do hospital eram pobres que não podiam pagar pelas operações, por isso deixavam que os médicos fizessem testes com seus corpos. Os pacientes ricos tinham a “sorte” de serem operados com menos público, normalmente na mesa da cozinha das suas próprias casas.

De 1822 até 1847, as operações eram realizadas sem anestesia e o paciente era adormecido com álcool ou ópio. Os cirurgiões praticamente não lavavam as mãos antes e depois de operar e seus jalecos eram muito sujos. O sangue do chão era recolhido com lascas de madeira enquanto os estudantes se amontoavam ao redor dos doentes para não perder nenhum detalhe da operação. 

O museu

Uma das principais atrações do museu é a sala de cirurgia mais antiga do país, construída em 1822, formada por uma rudimentar mesa de madeira rodeada por arquibancadas.

Uma impactante exposição revela os horrores da medicina e da cirurgia anteriores aos avanços da ciência médica, mostrando os instrumentos que eram usados para realizar amputações e outras operações.

A exposição amplia seu conteúdo até a medicina que se praticava nos monastérios medievais, incluindo o Hospital de St. Thomas e o Hospital Infantil Evelina. 

Pequeno, mas intenso

O museu proporciona uma visão fiel da horrível qualidade de vida que existia há apenas algumas décadas. Embora esteja em um espaço pequeno, trata-se de um lugar muito bem aproveitado capaz de narrar as histórias de todas as pessoas que passaram pelo antigo hospital e pelo cirurgião, despertando uma grande curiosidade nos visitantes.

Horário

Todos os dias, das 10:00 às 17:00 horas.
Fechado de 15 de dezembro a 5 de janeiro.

Preço

Adultos: £6,50.
Estudantes: £5
Menores de 16 anos: £3,50.
Entrada gratuita com London Pass.

Transporte

Metrô: London Bridge, linhas Northern e Jubilee.
ônibus: linhas 17, 21, 22a,35, 40, 43, X43, 47, 48, 133, 344, 501, 505, 521, P3, P11, E1 e D11.

Lugares próximos

The Shard (90 m)
HMS Belfast (510 m)
The Monument (614 m)
City Hall (629 m)
Shakespeare's Globe Theatre (745 m)